Os isolantes elétricos possuem a importante missão de preservar a saúde e segurança dos seres humanos. Como? Prevenindo choques elétricos. Essa é uma das características dos materiais que falaremos ao longo do artigo de hoje, que vai abordar também a relação entre isolantes elétricos e condutores.

Não se preocupe, caro leitor, esta não será mais uma aula de física. No entanto, vamos tratar de elucidar as características dos isolantes elétricos e porque eles são importantes para as instalações elétricas.

Entendendo um isolante elétrico

Os elétrons são as partículas que determinam se um material é, ou não, um bom isolante elétrico. Os materiais desse tipo possuem poucos elétrons livres, o que impossibilita a passagem de corrente elétrica.

Alguns materiais utilizados como isolantes elétricos são:

  • Plástico (resina);
  • Silicone;
  • Borracha;
  • Vidro (cerâmica);
  • Madeira.

Por isso, eles são tão utilizados na hora de encapar fios elétricos, seja em eletrodomésticos, seja em torres de energia de alta tensão.

Os isolantes oferecem oposição à passagem de cargas elétricas. Ou seja, eles aprisionam as cargas em seu interior, funcionando como uma proteção às pessoas. Dessa forma eles evitam acidentes como choques elétricos e diminuem as perdas de energia em fios condutores.

Considere o objetivo do isolamento na escolha do material, sempre. Isso porque os materiais precisam ser seguros conforme a especificidade do ambiente em que estarão. Materiais utilizados em uma cozinha, por exemplo, precisam resistir bem ao calor.

A segurança do material utilizado como isolante elétrico é muito importante. Por isso, é fundamental realizar os testes e fazer a medição das áreas elétricas.

A melhor forma de realizar testes e medições é utilizando equipamentos confiáveis. No site da Instronic, você encontra as melhores marcas do mercado, confira!

A diferença para os condutores elétricos

Sabemos que os isolantes elétricos e condutores possuem características parecidas. No entanto, eles funcionam de forma oposta! Enquanto os isolantes servem para “prender” a corrente elétrica, os condutores servem para levá-la adianta, cada vez mais longe.

Lembra que os elétrons dos isolantes são mais presos ao núcleo? Pois é, nos condutores eles são livres, leves e soltos! Os elétrons possuem maior liberdade de movimento e, desta forma, se espalham e se movimentam de forma que a corrente elétrica passe com fluidez.

Os materiais que são considerados bons condutores são os metais como:

  • Cobre;
  • Ouro;
  • Ferro;
  • Prata.

A relação dos isolantes elétricos com a resistividade

A resistividade elétrica é uma característica importante dos isolantes elétricos. Ela define o quanto um material se opõe à passagem da corrente elétrica.

Sua relação é simples: quanto maior for a resistividade elétrica de um material, mais difícil é a passagem e eletricidade. O caso contrário também. Quanto menor a resistividade, mais fácil é a passagem de corrente elétrica.

O valor da resistividade varia conforme a temperatura em alguns materiais, já que o calor altera as moléculas e aumenta a resistência do material. A borracha e o vidro, por exemplo, possuem alta taxa de resistividade, enquanto os metais como Cobre e Prata possuem taxas baixas.

Gostou do artigo e quer entender ainda mais sobre elétrica? Então entre em nosso site e conheça nossos cursos para aprender ainda mais!