Após a conclusão das obras de instalação elétrica, toda a instalação estará sujeita ao teste antes da entrada em serviço final, sob total responsabilidade do contratante. A menos que de outra forma especificamente solicitado para todos os ensaios, deve ser realizado em conformidade com os regulamentos.

Mas você sabe o que são os ensaios elétricos e qual a sua importância nos programas de manutenção? Eles desempenham uma grande função nesse trabalho. Quer saber mais? Continue lendo.

O que são ensaios elétricos?

Ensaio elétrico é um termo extremamente amplo, que abrange muitas áreas diferentes de inspeção de sistemas, que usam correntes elétricas para fluir. Testes elétricos garantem que vários aspectos diferentes do sistema elétrico estejam funcionando adequadamente.

Primeiro, garante que os sistemas funcionem da maneira que deveriam. Segundo, garante um ambiente de trabalho seguro, livre de riscos desnecessários, como no caso de testes e manutenção de detectores de fumaça.

E em terceiro lugar, garante que o empregador cumpra suficientemente os padrões regulatórios para evitar penalidades regulatórias, por não conformidade, negligência ou ambientes de trabalho inseguros.

Importância dos ensaios elétricos em programas de manutenção

Ensaios elétricos são os determinantes do comportamento de materiais isolantes e condutores, quando utilizados com o objetivo de otimizar o rendimento dos equipamentos.

Por isso, ao realizar ensaios elétricos, é de extrema importância garantir que seus equipamentos sejam bons. Procure uma empresa que garanta qualidade, como a nossa.

Eles são a única maneira de identificar falhas de fabricação que possam comprometer a segurança elétrica de um produto no campo. Testes completos de segurança elétrica protegem contra o risco de choque elétrico, de modo que os produtos possam ser utilizados para os fins a que se destinam, com uma chance mínima de ocorrência de lesões.

Tipos de ensaios elétricos

Existem inúmeros tipos de ensaios de transformadores dentre os vários ensaios elétricos. E é importante conhecer sobre cada um para saber qual se deve aplicar e em qual situação, que tipo de equipamento se usa e como funciona a necessidade de manutenção. Confira:

1. Teste de relação de transformação:

É um dos principais tipos e serve para que seja feita a análise das bobinas do transformador. Permitindo, assim, a identificação da relação entre espiras primárias e secundárias, e previne curtos.

2. Ensaio de resistência de isolação:

É a partir dele que é possível fazer o diagnóstico de possíveis falhas em materiais isolantes pertencentes aos equipamentos elétricos.

3. Ensaio de resistência de contato:

Tem como objetivo a avaliação da baixa resistência entre os contatos de um transformador, identificando falhas que podem acontecer, devido ao mau contato entre os disjuntores ou seccionadores.

4. Ensaio de resistência ôhmica do enrolamento:

É um ensaio indispensável, que tem como objetivo a detecção precisa de curtos-circuitos ou o envelhecimento da bobina do transformador. Evita problemas e o comprometimento do funcionamento do produto.

Compre seu equipamento com a gente

Como visto, os ensaios elétricos são muito importantes. E, além disso, os equipamentos que são usados durante eles também são, por isso, precisam ser de melhor qualidade.

Afinal, para garantir um ensaio elétrico com precisão, o equipamento usado precisa ser bom. É indispensável comprar com uma empresa que prometa segurança e qualidade, como a nossa.

A Instronic é uma empresa que comercializa equipamentos de testes, manutenção e medição na área elétrica, de energias renováveis e mecânica, além de realizar monitoramentos na área de segurança e ministrar cursos de tecnologia na área.