O ultrassom tem se mostrado uma importante ferramenta de uso industrial. Utilizada em larga escala em diversos processos para a medição de espessura e análise propriedade de materiais, como metais, plásticos, cerâmica e compósitos, a técnica também vem sendo aplicada com bastante eficiência para identificar falhas em sistemas elétricos. Entenda como isso é feito e veja 5 razões para usar essa tecnologia em sua fábrica.

O ultrassom e suas aplicações:

O ultrassom nada mais é um som com uma frequência muito alta, que não é detectada pelo ouvido humano. Os aparelhos de ultrassonografia enviam diversos pulsos de onda para a superfície a ser analisada. Quando encontra uma barreira, geralmente ela emite ecos, que fornecem então informações de espaço e contraste. Na indústria, de modo geral, essa técnica é utilizada para a detecção de trincas, lacunas, porosidades e diferenças de materiais ou descontinuidades.Nos sistemas elétricos, o ultrassom é aplicado para detectar três tipos de falhas em sistemas de eletricidade. Eles são causados geralmente pela ruptura de um componente elétrico, que geram um som inaudível pelo ouvido humano, mas detectável pelos aparelhos de ultrassom.O arco elétrico é uma falha de isolamento que gera uma disrupção de ar seguida de passagem de corrente elétrica. Já a corona acontece quando a tensão no condutor se torna maior do que o gradiente de potencial do ar que o circunda, gerando uma nuvem azul ou púrpura decorrente da ionização. A descarga elétrica embrionária é decorrente da perda de isolação, que estabelece um caminho para descargas elétricas de baixa intensidade que não são identificadas por dispositivos de proteção normais.

ultrassom_elétrico

Por que usar o ultrassom?

1. Praticidade

É possível aplicar o ultrassom em diversos componentes do sistema elétrico, como painéis, motores, transformadores, cabos e terminações, peças de isolação, geradores, barramentos, disjuntores, caixas de passagem, terminações, entre outros equipamentos que compõem todo o circuito.

2. Versatilidade

O ultrassom pode ser utilizado para detectar falhas em sistemas elétricos em pequenas, médias e grandes indústrias, sejam elas de base ou de transformação, ou de quaisquer setores.

3. Prevenção

É possível identificar as descargas parciais elétricas ainda em sua fase inicial ou embrionária, antes da formação dos chamados arcos. Com isso, evita-se que o problema atinja proporções maiores e permite que se faça uma manutenção programada e com menos riscos.

4. Segurança

A utilização do ultrassom não coloca o operador em contato direito com o sistema elétrico, já que o aparelho opera por detecção de ondas. Isso diminui substancialmente o risco de choques e outros acidentes de trabalho que podem colocar em risco a integridade das pessoas envolvidas.

5. Eliminação de custos

O ultrassom pode detectar o problema no sistema elétrico com alto índice de precisão. Isso significa que não é necessário fazer o desligamento de circuitos inteiros ou uma desmontagem desnecessária para a operação, o que pode afetar diretamente a produtividade de outros setores da indústria. Além disso, a manutenção correta aumenta o tempo de vida útil dos equipamentos de operação.

O que você achou da utilização do ultrassom? Acredita que ele pode ser útil na sua empresa? Leia outros textos de nossa página e saiba mais.

Para contratar um curso de Ultrassom elétrica ou mecânica, acesse nosso site: https://www.institutoinstronic.com/