Preditiva é um método aplicado na área de manutenção com a finalidade de indicar as condições reais de funcionamento das máquinas com base em dados que informam o seu desgaste ou processo de degradação. Visto então que a proposta da manutenção preditiva é fazer o monitoramento regular das condições mecânicas, eletrônicas, pneumáticas, hidráulicas e elétricas dos equipamentos e instalações e, ainda, monitorar o rendimento operacional de máquinas, equipamentos e instalações quanto a seus processos.

Como resultado desse monitoramento, observa-se um aumento dos intervalos dos reparos por quebras (manutenção corretiva) e dos reparos programados (manutenção preventiva), bem como um aumento de rendimento no processo produtivo, uma vez que equipamentos e instalações estarão disponíveis por um tempo maior para a operação.

parafusos

 Objetivos da manutenção preditiva
  1. Determinar antecipadamente a necessidade de serviços de manutenção numa peça ou componente específico de uma máquina ou equipamento;
  2. Eliminar desmontagens desnecessárias para inspeção;
  3. Aumentar o tempo de disponibilidade das máquinas e equipamentos;
  4. Reduzir as intervenções de corretiva;
  5. Impedir o aumento dos danos;
  6. Aproveitar a vida útil total dos componentes e de um equipamento;
  7. Aumentar o grau de confiabilidade das máquinas e equipamentos.
Com base nos objetivos descritos acima podemos deduzir que eles estão direcionados a trazer como resultado uma redução de custos de manutenção e aumento da produtividade.

 Como realizar a manutenção preditiva
Para ser realizada a manutenção preditiva é necessária a utilização de aparelhos adequados, capazes de registrar vários fenômenos, tais como:
  1. Vibrações das máquinas;
  2. Alterações de temperatura;
  3. Contaminação de óleos;
  4. Estado de superfícies;
  5. Alterações de pressão.
Com base no conhecimento e análise dos fenômenos, torna-se possível indicar, com antecedência, eventuais defeitos ou falhas nas máquinas e equipamentos, após isso a manutenção preditiva adota dois procedimentos para atacar os problemas detectados:
Diagnóstico: Detectada a irregularidade, será necessário efetuar um diagnóstico referente à origem e à gravidade do defeito constatado.
Análise da tendência da falha: A análise consiste em prever com antecedência a avaria ou a quebra e programar o reparo.
Entre várias técnicas que podem ser utilizadas para a manutenção preditiva temos :
  • Análise Termográfica
  • Análise Ultravioleta
  • Análise de Ultrassom
  • Análise de Vibração
  • Análise de Motores